O livro da autora Jess Bidoia já começa em uma tensão que você apela para as unhas desesperadamente. Uma história linda de superação que nos mostra a importância da família e dos verdadeiros amigos.

Artur tem uma família incrível com Lua, sua luz, a quem é fiel e completamente apaixonado. Mas acaba sendo beijado pela secretária da academia em que é dono e fica sem rumo. Quando sai de lá desesperado para contar ao seu amor o que houve, sofre um acidente de carro que muda sua vida drasticamente. Ele fica paraplégico como seu pai em um passado muito recente.

Luana é uma profissional capacitada, linda e inteligente. Faz de tudo por sua família e, mesmo não sendo casada no papel, vive com Artur a plenitude de um casamento feliz. Quando ele perde as esperanças com o acidente, ela vai ter que provar todos os dias como o ama e que não o abandonará por nada.

A obra é muito emocionante e me arrancou lágrimas em muitas páginas. Vemos o fundo do poço de um homem bom que fica preso em lembranças que o marcaram para sempre. Fiquei chocada com o segredo da sua família. Você é capaz de compreender seu jeito rabugento depois de ficar paraplégico perfeitamente.

Eu geralmente amo mais o personagem masculino nas histórias e, apesar de me apaixonar por Artur, quem ganha as glórias aqui é Lua. Mulher forte, de fibra, vai se desdobrar para dar conta do trabalho, do filho e de um marido que a tenta afastar de todas as maneiras. Um exemplo a ser seguido de perseverança e amor.

Tanto é que sua insistência, mesmo cansada e muitas vezes sem saber mais o que fazer, fará Artur enxergar como tem sorte de estar vivo e despertar nele razões para recomeçar. Lindo demais!

Para deixar a narrativa ainda mais rica, somos apresentados aos amigos do casal que são incríveis. Dá até inveja de ver como são unidos e perfeitos nas suas imperfeições. A obra, inclusive, faz parte da Série Escolhas. Em cada uma conhecemos a história de um desses amigos. Eu comecei pelo terceiro volume rs (sou dessas). Ainda não li as outras, mas tenho certeza que não irei me decepcionar.

Ps: não poderia deixar de citar, para os amantes de hot como eu, que Jesus! Tem cada cena que é tiro de amor e fogo. Depois que ele fica paraplégico, então, são as melhores!

.: Adquira Razões para recomeçar na Amazon

Trilha sonora para embalar a leitura

Unconditionally (Katy Perry)

Oh no, did I get too close?
Oh, did I almost see what’s really on the inside?
All your insecurities
All the dirty laundry
Never made me blink one time
Unconditional, unconditionally
I will love you unconditionally

E se virasse filme

Difícil achar um chocolate maravilhoso como Artur, teremos que apelar para ator espanhol ❤

NOTA: 5

* Notas de 1 a 5.