A série de livros “As peças infernais” é um spin-off de “Instrumentos mortais”, já resenhada aqui no blog. Acontece na Londres Vitoriana, dez anos antes dos primeiros acordos de paz entre shadowhunters e downworlds. As obras narram como Tessa descobriu ser uma downworld e como se apaixonou por Will e Jem (sim, um triângulo amoroso daqueles).

Eu nunca me importei”, ele prosseguiu. “Em estar perdido. Eu sempre pensei que não se pode realmente se perder se eu conhecesse meu o próprio coração. Mas temo que eu possa estar perdido sem saber o seu”. (Jem)

Ao ser caçada por um poderoso empresário que quer destruir todo o mundo das sombras, Tessa se refugia com os Shadowhunters no Instituto de Londres. Em meio a várias lutas e descobertas, ela se vê divida entre James (Jem), cuja beleza frágil esconde um segredo mortal, e Will, de olhos azuis, que sempre tentou manter todos afastados até conhecê-la. O melhor de tudo nessa história é que você não consegue torcer para um ou para outro, eu me apaixonei pelos dois rs

Você não é último sonho da minha alma. Você é o primeiro sonho, o único sonho que eu não fui capaz de me impedir de sonhar. Você é o primeiro sonho da minha alma, e desse sonho, eu espero que venham todos os outros sonhos, que valham uma vida inteira”. (Will)

Eu amei a forma como a história se desenvolveu e como Cassandra tratou o triângulo amoroso, não poderia ter um final melhor. Eu super recomendo.

PS: Estou na torcida por um filme sobre essa história. Eu amo filme de época e curto shadowhunters, os dois juntos igual a perfeição.

Trilha sonora para embalar a leitura

War of hearts – Ruelle

I can’t help but be wrong in the dark
‘Cause I’m overcome in this war of hearts
I can’t help but want oceans to part
‘Cause I’m overcome in this war of hearts

E se virasse filme

Esses personagens seriam perfeitos para o papel.

NOTA: 5

* Notas de 1 a 5.