Mais uma vez, Colleen Hoover nos provando seu brilhantismo e criatividade na hora de escrever! Esse livro é lindo, conta a história de Fallon e Ben, uma atriz, que teve sua carreira arruinada por um terrível acidente e um aspirante a escritor que também teve seus dramas e segredos na vida.

Eles se conhecem aos 18 anos, no dia 9 de novembro, de uma maneira inusitada e divertida. Desde o começo a conexão e a intensidade da relação entre os dois é incrível, mas Fallon vai se mudar para Nova Iorque no mesmo dia (eles estão em Los Angeles, Califórnia), e ao perceber o quanto Ben afeta sua vida, decide que não quer se apaixonar ou se envolver com ninguém até os 23 anos.

Os dois fazem então um acordo: se encontrar todos os anos até completarem 23 anos, sempre no mesmo dia, 9 de novembro, sem estabelecer contato nenhum durante os intervalos. Esses encontros iriam servir de base para o livro de Ben. Nem é preciso dizer que os encontros nem sempre são bons e que aparecem dificuldades no caminho. No começo achei meio batida a base da história por se parecer com o livro Um Dia,  mas a autora consegue inovar dentro dessa premissa.

Achei que o livro é bem diferente dos últimos que tenho lido, com um personagem masculino encantador, que esconde segredos, mas que não é o bad boy que costumamos conhecer nos livros de romance. Ben é incrível e por ser escritor mostra ter uma sensibilidade que muitos não teriam.

Ela ri e se fixa por um instante em meus olhos, mas depois seu foco se dirige para a minha boca e, meu Deus, quero beijar essa garota. Quero beijá-la tanto que chega a doer (…) – Ben

Já Fallon tem suas cicatrizes por conta de seu acidente e sofre por não se achar tão bonita. Você passa o livro achando que Fallon foi salva por Ben, se não fosse por ele talvez ela tivesse desistido de seus sonhos, mas acaba descobrindo que Ben também foi salvo por ela.

Ela é a única que eu queria que estivesse comigo hoje e está aqui. Só por mim. Porque sentiu minha falta. Se Fallon não tomar cuidado, posso me apaixonar por ela. Esta noite. – Ben

O livro é narrado intercalando o ponto de vista de Fallon e de Ben, e não é à toa que meus trechos preferidos são, em sua maioria, os dele. É apaixonante ver como ele a enxerga e ver o quanto ela é importante para Ben. Se eu pudesse colocaria até mais trechos aqui, mas tô tentando evitar spoilers… hehe

Você me salvou no dia em que nos conhecemos, Fallon. Sei que eu só tinha 18 anos, mas minha vida teria sido muito diferente se não tivéssemos passado aquele tempo juntos. – Ben

O ponto alto do livro, de reviravolta (que sempre são ótimos nos livros da Coleen), nos mostra que todos têm suas cicatrizes e que às vezes cometemos erros por estarmos abalados demais ou tristes demais para pensar com clareza. Nada justifica nossos erros, mas temos que avaliar que tudo tem seu contexto e não podemos nos culpar ou culpar os outros sem saber o que realmente aconteceu e sem ouvir seu lado da história.

Por que você não me contou que a base na qual me ensinou a ficar de pé era areia movediça? – Fallon

Acho legal o livro ter tratado também a relação de Fallon com o pai, que não é das melhores, mostrando que, para que algo dê certo, você precisa se esforçar.

Nós não escolhemos nossos pais e os pais não escolhem os filhos. Mas escolhemos, sim, o quanto estamos dispostos a nos esforçar para fazer o melhor com o que temos.  – Fallon

Em resumo eu amei tanto o livro que acho que o final poderia ter abordado mais um 9 de novembro, nos mostrando como ficaram as coisas depois de tudo o que aconteceu, um epílogo, algo assim, pois a autora deixa um gostinho de quero mais no livro.

Trilha sonora para embalar a leitura

Como em Talvez um dia e O lado feio do amor, temos uma música feita exclusivamente para o livro ❤

November 9 (Griffin Petterson)

♫ You got scars, so do I
If I could, I’d take ‘em all and make ‘em mine
But for now, I’ll play the part
And let you in just far enough for this to start
For this to start.
I remember everything
When the fire of your heart began to sting ♫

E se virasse filme

Tudo a ver com esse casal lindo.

Nota: 5

* Notas de 1 a 5.