Olha, se teve um casal que suou para ser feliz foi Sara e Michael. Na verdade, eles vão ter a chance de assim ser agora, espero. Quase uma década depois do final da quarta temporada, a série vai voltar no início de 2017 para a última (?) sequência de adrenalina e muito suspense.

Prison Break não é focada em romance, mas Sara e Michael são tão extremamente fofos e viciantes que tive que escrever aqui no blog. Sério, você vai começar a ver e perder a noção das horas (todos os amigos que indiquei quase me mataram depois, porque vararam madrugadas acompanhando).

A história gira em torno de Lincoln Burrows, um homem que foi sentenciado à morte por supostamente ter assassinado o irmão da vice-presidente dos EUA; e seu irmão, Michael Scofield, um engenheiro civil que cria um audacioso plano para resgatá-lo da prisão antes que a sentença seja executada.

prison-break

Michael tatua o mapa do presídio (camuflado por outras imagens) no corpo e assalta um banco para, assim, ser preso e enviado para a Penitenciária Estadual de Fox River, onde seu irmão está no corredor da morte. Dentro do presídio, Scofield precisa fazer alianças perigosas com detentos de alta periculosidade, como T-Bag, um pedófilo assassino condenado a prisão perpétua, e John Abruzzi, ex-chefe da máfia. É lá também que ele conhece a doutora Sara, que vai roubar-lhe grande parte de sua atenção.

A história é envolvente e bem produzida, ligando muito bem cada personagem. A primeira temporada é toda dentro de Fox River. A segunda deles fugindo da polícia, Sara acaba se tornando cúmplice também. Na terceira Michael é preso em uma penitenciária do Panamá e Sara é sequestrada. Na quarta é Sara quem vai presa e Michael precisa de um novo plano para salvar a amada.

Aos poucos, descobre-se que existe uma grande conspiração por trás de tudo, que envolve desde a vice-presidente dos Estados Unidos até um enorme grupo de multinacionais em todos os níveis da indústria e do governo estadunidense, denominado “A Companhia”.

Eu estou dando graças a Deus que haverá uma nova temporada, porque meu coração foi destroçado em mil pedaços com o final que tinham dado para a série. Não deixou de ser linda, mas chorei litros (sou dessas rs).

Ansiosa para o início de 2017 e para descobrir como eles vão justificar o final da quarta com o começo dessa quinta temporada. Super indico!

NOTA: 5

nota